Caminhada fotográfica despertou um novo olhar entre os alunos do EJA

26 . set . 2011 Imprimir esse Artigo

Com uma máquina digital nas mãos, o soldador Nelson Geraldo da Silva observou pela primeira vez cenas do cotidiano de Indaiatuba que até então desconhecia. O movimento da feira na área central e a paisagem do Parque Ecológico foram algumas das dezenas de imagens registradas por ele durante a caminhada fotográfica que reuniu no domingo (25/09) os alunos do Programa de Educação para Jovens e Adultos (EJA) das EMEFs Leonel José Vitorino Ribeiro e Vicente Bernardinetti (Viber), de Indaiatuba.

Divididos em dois grupos, sendo um pela manhã e o outro no período da tarde, eles participaram da atividade coordenada pelo Programa Conexão Social Sindivarejista em parceria com o Senac, com saída da Concha Acústica, passando pela região central do município.

O aluno Nelson Geraldo da Silva, da EMEF Leonel José Vitorino Ribeiro, reconhece que sempre teve medo de pegar a máquina da filha e que agora, depois de aprender a usar o equipamento, vai começar a fotografar. “Peguei o gosto, fotografia é para sempre, é uma recordação”. O lixo jogado no chão do Parque Ecológico chamou a atenção do aluno, que nunca havia observado o quanto a sujeira afeta o meio ambiente.

“Hoje observei mais, passei a ter um outro olhar. De agora em diante não vou mais jogar lixo na rua porque vai tudo para o rio. Vou conversar com os meus filhos e com os meus colegas da empresa”, disse o aluno.

Assim como Nelson, o aluno da Viber, José Carlos Correa Bispo, nunca havia pensado na possibilidade de um dia fotografar com uma máquina digital. “Moro há dez anos em Indaiatuba e nunca tive tempo para observar. “Comecei a ver a cidade de outra maneira”. No período da tarde, os alunos da Leonel José Vitorino Ribeiro também ficaram empolgados com a primeira experiência como fotógrafos.

"Foi dez. Com 35 anos e estudando, ter uma oportunidade como essa de aprender a fotografar foi demais”, disse bastante empolgado Agenildo Oliveira Dantas. “Preencheu um vazio, andamos, conversamos”, resumiu Iracema Monteiro Maguste.

As professoras do EJA também elogiaram a iniciativa. "Não tenho nem palavras para dizer o que achei. Foi uma delícia. Os alunos aproveitaram muito para ver o que é desperdício e o que não é. Além disso, foi excelente para o relacionamento do grupo, foi uma oportunidade para um contato mais social fora da sala de aula. Eu amei", disse a professora Maria Fátima Zenardo, da Viber.

Para a professora e coordenadora Tânia Regina Cataldi Milan, os alunos captaram muito bem a ideia. “Achei o máximo, vi muitos fotografando os restos de consumo, muitos observaram o lixo, também fotografaram vitrines de lojas, ou seja, pegaram bem a ideia do projeto. Os alunos adultos precisam sempre de uma motivação maior, porque eles têm a vida familiar e profissional deles, mas percebi que vieram todos motivados. Acho que, se o Conexão Social Sindivarejista conseguiu fazê-los sair de casa num domingo pela manhã para este programa, é porque o projeto é bom".

A presidente do Sindivarejista, Sanae Murayama Saito, destacou a importância da caminhada como forma de incentivo para que os alunos vejam com outros olhos o ambiente em que vivem. "O olhar por trás das lentes é diferente, porque ele nos ensina a prestar mais atenção ao que está em nossa volta. Percebemos mais o plástico e o lixo jogados no chão, por exemplo; também observamos melhor a natureza. Por isso a caminhada fotográfica tem uma importância muito grande dentro do Projeto Conexão Social Sindivarejista".

As fotografias produzidas pelos alunos ficarão expostas durante a Feira Literária de Indaiatuba, que será realizada em 22 de outubro, no Centro Esportivo do Trabalhador. A partir do dia 25 /10, a exposição com 80 fotos, que tem o apoio do Sesc Campinas, seguirá um roteiro itinerante em espaços públicos e do comércio local de Indaiatuba. Em janeiro e fevereiro de 2012 a mostra continuará em exposição na cidade ainda em locais a serem definidos.

Fonte: Assessoria de Imprensa Sindivarejista (imprensa@sindivarejistacampinas.org.br

Adriana Menezes e Araceli Avelleda – (19) 3775-5560

adriana.menezes@sindivarejistacampinas.org.br ; araceli.avelleda@sindivarejistacampinas.org.br

CATEGORIAS
Conexão Social SindiVarejista