Começa hoje em Indaiatuba o projeto ‘Memória do Varejo’

20 . abr . 2012 Print This Article

Uma roda de histórias com a participação dos alunos do Programa Educação para Jovens e Adultos (EJA) e de comerciantes nesta terça-feira (24/04) marcará o início do projeto ‘Memória do Varejo: Indaiatuba’, desenvolvido pelo Programa Conexão Social Sindivarejista em parceria com a Secretaria Municipal de Educação e a Fundação Pró-Memória. A roda de histórias será realizada às 19h, na sala do CIAEI do Centro Integrado de Apoio à Educação de Indaiatuba. Comerciantes da cidade interessados em participar poderão confirmar presença pelos telefones (19) 3775-5560 ou (19) 3256-7505.

O objetivo do projeto é produzir um vídeo documentário sobre o crescimento da cidade a partir da história de vida de seus comerciantes. Alunos e professores do EJA também produzirão um livro que será apresentado durante a Feira Literária de Indaiatuba, no mês de outubro.

O projeto Memória do Varejo propõe destacar a importância do varejo no desenvolvimento de Indaiatuba. Segundo o coordenador geral do Conexão Social Sindivarejista, Roberto Goulart Junior, o programa reconhece o papel do empresário do setor como agente de desenvolvimento local e forte elo da relação entre produção e consumo. “Seu contato direto com o consumidor tem grande poder na contribuição para a educação para a sustentabilidade, possibilitando o fortalecimento de uma ética mais coletiva e um novo olhar sobre a relação entre cidadania e hábitos de consumo”, acrescenta.

A presidente do Sindivarejista e idealizadora do projeto, Sanae Murayama Saito, destaca a importância de valorizar a memória do varejo. “O papel social do comerciante varejista é muito importante. No passado, muitos devem lembrar, havia muita confiança na relação entre o comerciante e o consumidor, que marcava na caderneta e depois honrava sua dívida. Ou seja, o comerciante financiava nossa comida, era como um provedor da casa, porque ele só recebia o pagamento depois”, disse Sanae. &ldldquo;Quando você chega numa cidade, qual é o primeiro lugar que você vai e o que é que te faz ficar? É o comércio. Se for ruim, você vai embora”, acrescenta.

Fonte: Assessoria de Imprensa Sindivarejista (imprensa@sindivarejistacampinas.org.br)
Adriana Menezes e Araceli Avelleda – (19) 3775-5560
adriana.menezes@sindivarejistacampinas.org.br ; araceli.avelleda@sindivarejistacampinas.org.br

CATEGORIAS
Conexão Social SindiVarejista