Faturamento do e-commerce da região é segundo maior do Estado

08 . nov . 2018 Imprimir esse Artigo

A região de Campinas registrou o segundo melhor desempenho do estado de São Paulo em relação às vendas por e-commerce no primeiro semestre deste ano. Ao todo, o faturamento da região chegou a R$ 692,9 milhões e um total de 1,6 milhão de pedidos efetuados de janeiro a junho de 2018.

Os dados são do SindiVarejista de Campinas e Região em parceria com a FecomercioSP (Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado de São Paulo) e revelam crescimento em relação a 2017. No primeiro semestre do ano passado, as vendas chegaram a R$ 661,5 milhões, o que representa um aumento de 4,75% em 2018. Já o número de pedidos no ano passado ficou em 1,5 milhão, o que também representa um acréscimo de 9,7%.

A região de Campinas se mantém consolidada com o segundo melhor desempenho do estado, ficando atrás somente da Capital que registrou faturamento de R$ 3,03 bilhões e mais de 8 milhões de pedidos. No estado de São Paulo, as vendas pelo comércio eletrônico cresceram 3,99% no primeiro semestre passando de R$ 7,8 bilhões em 2017 para R$ 8,20 bilhões neste ano.

O valor do tíquete médio dos produtos comprados pela internet na região teve uma queda de 4,51% neste ano em relação a 2017. No primeiro semestre do ano passado o valor médio dos itens era de R$ 429,72 contra R$ 410,33 neste ano.

Para a presidente do SindiVarejista de Campinas e Região, Sanae Murayama Saito, ainda que haja instabilidade política, o cenário conjuntural atual é mais favorável e, aparentemente, viabiliza a continuidade da recuperação nas vendas do comércio eletrônico. “O ambiente macroeconômico está com a inflação mais controlada, aliada à trajetória de queda nas taxas de juros, favorecendo a manutenção do poder de compra das famílias”, explica.

Sanae também explica que o desempenho da região de Campinas segue a trajetórias das vendas físicas e é um reflexo do potencial econômico daqui. “Os aglomerados metropolitanos mais desenvolvidos contam com consumidores mais amadurecidos e conectados aliado ao potencial de consumo forte”, afirma.

A previsão é que o quarto trimestre do ano registre bom desempenho para as vendas do comércio, já que conta com a realização da Black Friday, que é um dos melhores períodos para o varejo eletrônico.

Região de Campinas

Águas de São Pedro, Americana, Araras, Artur Nogueira, Campinas, Capivari, Charqueada, Cordeirópolis, Cosmópolis, Elias Fausto, Engenheiro Coelho, Hortolândia, Indaiatuba, Iracemápolis, Leme, Limeira, Mombuca, Monte Mor, Nova Odessa, Paulínia, Piracicaba, Rafard, Rio das Pedras, Saltinho, Santa Bárbara d’Oeste, Santa Cruz da Conceição, Santa Maria da Serra, São Pedro, Sumaré, Valinhos.

 

Assessoria de Imprensa Sindivarejista (imprensa@sindivarejistacampinas.org.br)
Bruna Mozer e Luciana Félix – (19) 3775-5560
bruna.mozer@sindivarejistacampinas.org.br ; luciana.felix@sindivarejistacampinas.org.br

TAG
campina comércio eletrônico faturamento região
CATEGORIAS
Releases SindiVarejista